Plano de aula 2020 – O que é? Como e porque fazer?

Enquanto o país se moderniza e amplia as áreas de mercados de trabalho, os profissionais que desejam estar em dia com sua carreira e com os assuntos que serão utilizados ao longo de suas atividades, procuram cada vez mais se especializar.

Uma especialização garante a sua colocação dentro de um mercado de trabalho competitivo e saturado de profissionais. São essas formações e cursos que mudam as oportunidades dos trabalhadores pois, cada vez mais, o mercado procura o destaque, o diferencial, o profissional que sabe o que faz.

Então cada vez mais os trabalhadores e profissionais do Brasil percebem a importância de estar em dia com os estudos, sejam eles técnicos ou subjetivos, é necessário estudar e sempre acompanhar a concorrência.

Mas com essa busca por estudo, por cursos e aprendizado capacitador, também surge uma grande busca por profissionais, professores no caso, que possam estar presentes dentro das instituições de ensino garantindo uma qualidade para os cursos. Esses profissionais, além de todos, precisam conhecer muito bem seu trabalho e sua área de atuação. 

Os professores sempre serão os mestres do conhecimento, seja ele qual for. Mas para que seja viável ensinar e dar aulas, é preciso de planejamento. Com um planejamento de aula bem feito e estruturado, é muito mais fácil e objetivo ensinar, aplicar o conhecimento, testar se os alunos o absorveram e quais são os resultados das aulas.

Sendo assim preparamos neste texto um compilado com algumas informações úteis para você professor, seja de faculdade ou ensino fundamental, para que seja mais fácil e prático montar um planejamento de aula no ano de 2020. 

Descubra aqui: Planos de internet para Claro 

Como elaborar seu plano de negócios para 2020

O que é um planejamento de aula?

Bom, o planejamento de aula, como qualquer outro planejamento, é um sistema que busca a organização, aplicabilidade e acompanhamento das atividades profissionais. No caso dos profissionais de carreira educadora, professores e mestres, o planejamento de aula vai servir como forma de preparação das aulas propriamente ditas.

Um bom planejamento de aula garante que o professor possa estabelecer etapas ao longo do ano letivo, registrando conteúdos, objetivos, programações e resultados, além das avaliações.

Esse planejamento permite ao professor que tenha um controle de sua matéria e aulas antes mesmo de sua aplicação. Assim é possível estabelecer limitações de conteúdo para que os objetivos da aula e os tópicos principais possam ser organizados no devido tempo de aula em cada período.

O planejamento também é uma peça importante da organização do professor pois permite que o mesmo possa estabelecer metas e objetivos para com seus alunos e assim conhecer de forma aplicada as características de seus ouvintes para direcionar as aulas sempre em rumo ao que agrade e cumpra os objetivos dos próprios alunos.

Como e por que fazer um planejamento de aulas?

Para começar é preciso ter um template de planejamento em mãos. Os templates são documentos preparados para preenchimento em confecção do planejamento de aula. Não é difícil encontrar diversos modelos de planejamento de forma gratuita pela internet.

Os modelos de planejamento variam muito de forma e conteúdo, além de objetivos. Procure um template que estabeleça uma relação útil com a matéria, os alunos e até mesmo a instituição. Muitas instituições abordam os planejamento de aula de forma mais específica, disponibilizando e orientando os professores a utilizar formatos da casa.

Se você pretende lecionar para grandes turmas e instituições é importante se informar a respeito dos planejamentos de aula do corpo docente. Diversas escolas, faculdades e centros de ensino possuem padrões para os planejamentos. 

Isso se dá graças a necessidade de estabelecer uma mesma regra e forma de aplicação para as aulas de um modo geral, o que permite uma maior confiabilidade nos métodos de ensino desses locais.

Tema e Objetivo

Comece seu planejamento com algumas das questões mais importantes e mais difíceis de estabelecer: Qual é o tema da aula? Quais objetivos eu pretendo atender com essa aula? E quais objetivos meus alunos precisam alcançar com essa aula? Esses são os grandes fundamentos do planejamento da aula.

Apesar de parecer simples, tanto o tema como os objetivos precisam de alguns cuidados: O tema não pode ser muito geral, precisa esclarecer o assunto abordado naquela aula e não na matéria como um todo; Os objetivos precisam ser realistas e podem ser subdivididos caso seja necessário mais de um período de aula para cumprí-lo; Os objetivos também devem ser viáveis para com o tempo de aula e a capacidade da turma.

Conteúdo

Com o tema e os objetivos concluídos agora é importante estabelecer quais serão os conteúdos apresentados à turma e que farão parte do tema em ordem de cumprir os objetivos. Esses conteúdos podem ser conceituais ou práticos. Aqui também entra a parte de metodologia e como o conteúdo será abordado para os alunos.

Cronograma

Por último mas não menos importante o cronograma é a divisão de todo o conteúdo levando em consideração a duração de cada aula, a quantidade de aulas por semana e a carga horária do período letivo. Aqui a tarefa se torna complicada pois saber exatamente quanto tempo leva para cumprir cada um dos objetivos estabelecidos é uma grande incógnita. Mas o planejamento e o uso dessa ferramenta ao longo da carreira do professor permite que ele possa conhecer melhor suas capacidades e estar preparado para utilizar o tempo disponível com sabedoria.

Deixe seu Comentário

WebGo Content